Notícias

Paixão e fúria: Callas, o Mito

A Studio3 Cia de Dança e a bailarina Vera Lafer estreiam dia 15 de maio, no Teatro Sérgio Cardoso, nova produção que, em seguida, será apresentada em Milão e Paris: Paixão e Fúria – Callas, o Mito. O desafio da Cia desta vez será encarnar a Paixão e a Fúria, esses dois sentimentos que se tornaram a identidade de Maria Callas, a maior cantora de Ópera de todos os tempos.

A Studio3 revisita esse mito para investigar o sentido sagrado da celebração teatral, essa busca incessante do artista a desafiar os deuses e procurar entender seu verdadeiro papel. Anselmo Zolla (coreógrafo) e José Possi Neto (roteirista e diretor) mais uma vez unem seus talentos nesta nova criação da Cia, a exemplo dos espetáculos ‘Martha Graham Memórias’, ‘Samba Suor Brasileiro’ e ‘Teu Corpo É Meu Texto’, todos frutos dessa parceria que conferiu a Studio3 uma identidade única.

Desta vez os 20 bailarinos que compõem o elenco fixo da Companhia, encabeçada por Vera Lafer, trazem uma convidada especialíssima: Marilena Ansaldi. Com uma trajetória única no cenário da dança brasileira esta bailarina clássica foi solista do Theatro Municipal de São Paulo nos anos 50 e, na década seguinte, nos tempos da Cortina de Ferro, transferiu-se para a Rússia onde foi solista do Balé Bolshoi. De volta ao Brasil, ainda nos anos 60, reassumiu seu lugar no Theatro Municipal de São Paulo e surpreendeu ao abandonar o balé clássico. Tornou-se uma atriz-bailarina, a pioneira da dança-teatro no Brasil, com espetáculos ícones como ‘Isso ou Aquilo’, ‘Escuta Zé Ninguém’, ‘Um Sopro de Vida’, ‘Clitmnestra’ e tantos outros.

Sobre Maria Callas
O mundo da ópera se divide em antes e depois de Maria Callas. Ela recuperou para a ópera o verdadeiro sentido do drama e foi a maior de todas as intérpretes trágicas.

Filha de pais gregos, nascida em Nova York, ainda pré-adolescente a soprano voltou à Grécia com a mãe e a irmã mais velha e foi lá que desenvolveu seus estudos de canto lírico e onde reconheceu e incorporou suas raízes gregas. Embora tenha começado sua carreira em Atenas, seu verdadeiro ‘début’ para o mundo da ópera se deu em Verona, na Itália. A consagração veio pouco depois ao ser contratada para o elenco principal do La Scala de Milão.

A vida da cantora não foi menos dramática, nem glamourosa, do que as personagens que interpretou. Sua capacidade de se reinventar cenicamente e na vida privada, sua paixão pela música e pelo palco, e seu caso de amor com o armador grego Aristóteles Onassis são tema de inúmeras peças de teatro, biografias, filmes e documentários.

Fotos: Annelize Tozetto/divulgação

  • O que: espetáculo Paixão e Fúria – Callas, o Mito
    Quando: 15 a 17/05, às 21h – 3 únicas apresentações
    Onde: Teatro Sérgio Cardoso
    Onde: Rua Rui Barbosa, 153, Bela Vista | São Paulo-SP
    Quanto: R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)
    Informações: (11) 3288-0136
Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *