Audições/Editais, Notícias

Inscrições de projetos de dança, teatro e circo no Petrobras Cultural encerram dia 30/04

Encerra dia 30/04 o prazo para que produtores culturais inscrevam projetos de artes cênicas destinados a crianças até 6 anos na seleção do Petrobras Cultural. O processo é totalmente feito pela internet.

Esta é a primeira de uma série de três chamadas para patrocínios a serem lançadas em 2020, que terão valor total de R$ 10 milhões. A verba para esta primeira chamada é de R$ 3 milhões, destinados à circulação de espetáculos de dança, teatro e circo. As chamadas posteriores, em datas ainda a serem anunciadas, terão foco em feiras literárias e animação audiovisual.

O foco em crianças de zero a 6 anos se dá pela importância desta fase. Diversas pesquisas reforçam que é na primeira infância que se desenvolvem as habilidades cognitivas fundamentais que vão durar para toda a vida. Além disso, até os 6 anos, o cérebro da criança tem um enorme poder de absorção, sendo território fértil e aberto para as práticas artísticas, educativas e culturais.

O edital exige que os projetos contemplem apresentações também em cidades com menos de 150 mil habitantes e pelo menos uma capital nas regiões Norte, Nordeste ou Centro Oeste, de forma a democratizar a cultura no país.

As inscrições devem ser feitas pelo site www.petrobras.com.br/cultura. A previsão é divulgar os resultados em junho e os projetos serão realizados a partir de outubro.

Previous ArticleNext Article
Jornalista formada pela Universidade Tuiuti do Paraná, atuando na área desde 1997 como repórter, redatora e assessora de imprensa. Em 2010, lançou o site Dança em Pauta com a proposta de empregar seu conhecimento em comunicação para divulgar a dança. Trabalhou em publicações segmentadas em Curitiba e São Paulo. Desde 2004, desenvolve trabalho de assessoria de comunicação para profissionais e empresas atuando no planejamento e execução de estratégias de comunicação interna e externa, produção de conteúdo, publicações corporativas e assessoria de imprensa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *