Festivais/Mostras, Notícias

Gala marca uma década do Congresso Internacional de Jazz Dance

aba_congresso-jazz-dance_2018

Considerado pela crítica especializada um evento singular no Brasil e um dos melhores do segmento no mundo, o Congresso Internacional de Jazz Dance chega a sua 10ª edição apresentando o que há de melhor no gênero, com aulas práticas e teóricas de professores brasileiros e internacionais. A comemoração virá em formato de Gala, realizada no dia 29 de abril, às 19h, em Indaiatuba-SP, com a participação de grandes grupos e companhias de jazz do país e convidados internacionais. A entrada é gratuita. O evento tem direção de Erika Novachi, coreógrafa e diretora artística da Galpão 1 e de Marcela Benvegnu, jornalista e pesquisadora de dança.

Nesta edição serão mais de 300 bailarinos, divididos entre os participantes da Gala e do evento, representando 58 cidades do Brasil, de 12 diferentes estados: Pará, Tocantins, Paraná, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Ceará, Paraíba, Bahia, Rio Grande do Sul, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. “Para nós é motivo de muita alegria ver a diversidade desse Brasil representada pelo jazz dance. Ficamos muito felizes que a nossa dança diminui as fronteiras e as pessoas vem ao Congresso buscando mais informação”, diz Erika Novachi, codiretora artística do evento.

congresso-jazz-dance_2017
Aula na 9ª edição do Congresso | Foto: Wilian Aguiar

Entre os coreógrafos que levarão seus trabalhos para o palco da Gala estão os brasileiros Erika Novachi (Galpão 1), Ana Araújo (Ballet Ana Araújo), Andrea Spósito (Dbaya), Brisa Diamante (Experimental de Dança de Ubatuba), Cristina Cará (Academia Cristina Cará), Daniela Ianes (Grupo da Prefeitura de Indaiatuba), Edson Santos (Pariz Art Dance), Eliane Fetzer (Eliane Fetzer Cia de Dança), Jhean Allex (Grupo Roseli Rodrigues), Luana Espíndola (IOA), Monique Paes (Monique Paes Studio de Dança), Roseli Rodrigues (Raça Cia. de Dança), Vivien Fortes (Ballet & Cia) e Zeca Rodrigues (Cia. de Dança de Cubatão), e os norte-americanos Nathan Trasoras e Pat Taylor, esta que traz a Cia. Jazz Antiqua, de Los Angeles. “Será um dia singular para o jazz no Brasil, quando grupos que geralmente não se encontram e que antigamente competiam juntos, sobem ao palco para celebrar um estilo que ganhou voz pelas mãos de cada um deles”, ressalta Érika.

No dia 29 de abril é celebrado o Dia Internacional da Dança, por isso, para as organizadoras, é uma espécie de comemoração dupla. “Muitos desses professores ministraram aulas no Congresso nestas 10 edições e será uma grande festa. Optamos por uma noite com entrada gratuita porque acreditamos que precisamos dividir essa noite incrível com todos que amam essa arte”, comenta Marcela Benvegnu, codiretora artística do evento.

PRÁTICA + TEORIA

Dividido entre aulas práticas e teóricas, o Congresso traz ao Brasil este ano quatro nomes para ministrar aulas: James Kinney (Nova York), que é estrela e coreógrafo de espetáculos da Broadway; Bill Prudich (Los Angeles), da EDGE Performing Arts; Pat Taylor (Los Angeles), diretora da Jazz Antiqua; Rose Calheiros, brasileira radicada na Alemanha há mais de 20 anos que foi um ícone do jazz no Brasil nos anos de 1980; além das diretoras Erika Novachi e Marcela Benvegnu. As atividades acontecem entre os dias 28 de abril e 1º de maio. As vagas para as aulas estão esgotadas.

Para as organizadoras, a teoria é tão importante quanto a prática, pois é preciso pensar a dança, refletir sobre o que se faz. “Desde a primeira edição propomos reflexões acadêmicas com pesquisas que estão sendo desenvolvidas sobre jazz dance em universidades, mesas redondas, exibição de vídeos, além de palestras com diferentes temas que dialoguem com o jazz e uma entrevista pública que sempre apresenta uma personalidade, que conta um pouco da sua trajetória para sabermos os caminhos que essa pessoa construiu e como isso se dá nos dias de hoje”, destaca Marcela.

Érica Novaes e Marcela Benvegnu, diretoras do congresso. | Foto: Wiliam Aguiar
Érica Novachi e Marcela Benvegnu, diretoras do congresso. | Foto: Wilian Aguiar

“Ficamos felizes com o resultado do Congresso a cada ano por entender que, ao unir teoria e prática, ajudamos a preservar este estilo e também colaboramos para a evolução técnica de cada participante. Ano a ano, apresentamos linhas temáticas diferentes, recordando estilos esquecidos e também lançando tendências. Que venham mais 10 anos”, completa Erika.


O que: Gala Jazz Dance | 10º Congresso Internacional de Jazz Dance no Brasil
Quando: 29/04, 19h
Onde: Sala Acrísio de Camargo – CIAEI
Av. Engenheiro Fábio Roberto Barnabé, 3665 Jardim Regina | Indaiatuba-SP
Quanto: gratuito
Informações: www.congressodejazzdance.com.br

Postagem AnteriorPróxima Postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *