Notícias, Universo da Dança

É lei: Dança de Salão, Patrimônio Imaterial do RJ

aba_patrimonio

Agora é lei, a dança de salão, que reúne a prática de diferentes ritmos, passou a ser considerada Patrimônio Imaterial no Estado do Rio de Janeiro. É o que garante a lei 5.828, de autoria do deputado Alessandro Molon, que foi publicada no Diário Oficial do Executivo desta quarta-feira (22/09). Com isso, a dança de salão garante o registro de suas peculiaridades e estímulo à sua prática. O autor do projeto, presidente da Comissão de Cultura da Casa, afirma que a medida reconhece o esforço dos praticantes da modalidade: “A dança de salão, com este reconhecimento, poderá ser mais apoiada”.

A finalidade de tornar a dança de salão patrimônio imaterial do RJ, de acordo com Molon, é reconhecer, oficialmente, essa manifestação cultural praticada há mais de 200 anos no Estado, trazida pelos europeus que aqui chegaram com suas tradições e culturas. Em trecho da justificativa do projeto, ele diz: “desde os tempos do Império em todos os salões da Corte, a dança é, até os dias de hoje, fonte de lazer e arte, em festas, reuniões e salões da nossa sociedade. É, pois, um patrimônio vivo, dinâmico e bem cultural intangível do povo fluminense”.

Fonte: Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro e Instituto Ágora

Postagem AnteriorPróxima Postagem

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *