Espetáculos/Shows, Notícias

Apresentação em Roma da Cia Dois Pontos, de Florianópolis, celebrou o Dia de Nossa Senhora Aparecida

Ontem (12/10), não foi só o Brasil que celebrou o dia de sua padroeira, Nossa Senhora Aparecida. O salão de atos do Colégio Pio Brasileiro, em Roma, ficou pequeno para todos os interessados em assistir “1717”, espetáculo da Dois Pontos Cia de Dança Teatro, de Florianópolis, inspirado na história desta santa, um dos mais representativos ícones da cultura popular brasileira. Estudantes de teologia, representantes da comunidade diplomática, membros do clero, brasileiros que residem em Roma e estrangeiros de diversas nacionalidades lotaram cadeiras e corredores, formando uma plateia diversa como o próprio Brasil.

Olhos fixos na grande cortina vermelha que escondia a novidade que estava por vir, afinal é a primeira vez que um espetáculo de dança integra a celebração oficial do Dia de Nossa Senhora Aparecida do Colégio. A data, feriado nacional brasileiro, é celebrada todos os anos com o apoio da Embaixada do Brasil na Santa Sé com missa e um coquetel de confraternização. Em 2016 a programação incluiu arte.

A apresentação aconteceu após uma missa conduzida pelo catarinense Dom Leonardo Ulrich Steiner, Bispo Auxiliar da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB). Também estava presente o Cardeal Dom João Braz de Aviz, Prefeito da Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica. O Cardeal é atualmente o brasileiro que exerce o mais alto cargo na Cúria Romana e foi cogitado ao papado no último Conclave.

cia-2-pontos-em-roma

“É uma tradição que ganhou especial beleza este ano”, disse o reitor do Colégio, padre Geraldo Maia, ao final da apresentação. Partiu dele o convite para que a Dois Pontos apresentasse o espetáculo em Roma. O embaixador Denis Santos de Souza Pinto e a embaixatriz Maria do Carmo de Souza Pinto assistiram da primeira fila e foram cumprimentar pessoalmente os diretores, Alexandra Klen e Ricardo Tetzner, e elenco ao final da apresentação. O embaixador deixou sua impressão registrada no livro de mensagens da companhia, “belíssimo espetáculo”, escreveu Denis de Souza Pinto. “Bela seleção musical e uma técnica de dança digna de nosso país”, completou.

Padre Alselmo, estudante de Teologia em Roma, falou sobre a reação dos convidados. “Geralmente fazemos a missa e uma pequena confraternização e desta vez a apresentação cultural deixou as pessoas primeiro curiosas e depois emocionadas. Ninguém queria ir embora”, relatou.

Exatamente um ano após a estreia na Catedral Metropolitana de Florianópolis, “1717” tem uma apresentação simbólica para a Dois Pontos: a repercussão em pessoas de inúmeras partes do mundo, presentes no salão de atos e os convites para que a montagem visite outros países.

Fotos: divulgação

Previous ArticleNext Article

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *